Sufrágio

25 de ago de 2010

Porque são esquecidas.

Sufraguemos nossos mortos. Não os deixemos esquecidos sob qualquer pretexto comodista e de gente sem fé. O purgatório é terrível e para algumas almas é bem longo. Devemos ter compaixão e carinho por nossos entes queridos que a morte arrebatou.
Ao céu chegam as almas só depois de longos e dolorosas purificações. Não digamos de cada um que morre:
-Está no céu!
Temos o costume de logo canonizar nossos mortos, dizendo:
-Estão no céu! E nem mais rezamos por eles, deixando-os esquecidos no purgatório. É uma ingratidão bem comum. No céu entram as pobres almas só depois de longas e dolorosas purificações. E quem sai desta vida tão santo e perfeito que não mereça o purgatório? Nunca deixemos de orar e muito e por longo tempo pelas almas de nossos mortos queridos.
Há pobres almas destinadas a um longo sofrimento nas chamas espiadoras . Só Deus sabe o que elas padecem, por elas a santa Missa, e repetem tranquilos:
-Está no céu!
Disto teve receio Frederico Ozanan, o piedoso apóstolo das Conferências Vicentinas. Lemos no seu testamento:
_ "Não vos deixeis levar por aqueles que disserem:
" ele está no céu!" Rezai sempre por aquele que muito vos ama, mas que também pecou muito. Ajudado pelas vossas orações, deixarei a terra com menos receio".
Não nos iludamos com o purgatório. Seus sofrimentos são muito grandes e é mister uma grande compaixão, uma grande misericórdia para com os mortos. Ai! esquecer os mortos sem sufrágios é doloroso, é de consequencias tristes! Oremos pelas benditas almas.
Vamos em socorro dos nossos pobres irmãos da Igreja padecente.


Jaculatória.
JESUS, MARIA, EU VOS AMO, SALVAI ALMAS!!!





Nenhum comentário:

Postar um comentário